F.D.P., de Leonardo Santana

Percebam que eu não estou xingando o cara de jeito nenhum! Até porque quero ler isso 🙂

Desde janeiro, Leonardo Santana, roteirista de quadrinhos, publica a HQ F.D.P.. Como somos muito pontuais, só agora estamos falando dela. A publicação conta as histórias do repórter Fernando Drummond Pessoa. Um cínico “cara de pau, malandro, sem-vergonha, adora encher a cara (Principalmente de vodka) e é fã incondicinal de Elvis Presley. Obviamente Fernando não possui poderes, apenas a capacidade de irritar os outros”, descreve o autor.
Mesmo sem poderes, o F.D.P. se envolve em diversas aventuras com demônios, paranormais e outras situações sobrenaturais. Santana faz questão de negar qualquer rótulo cômico ou de paródia. Uma prévia da primeira edição já está disponível. A HQ pode ser obtida na loja virtual Bodega.
Bugman lerá F.D.P. e vocês?

Anúncios

  1. Olá AMigos! Obrigado pelos elogios! É sempre bom quando, mesmo sem termos nenhuma das formas de incentivo ou apoio que os quadrinhos americanos tem, somos comparados em pé de igualdade com eles. Fomos destrinchados (Até por quem não leu – risos) como se fossêmos Alan Moores e Eduardos Rissos. Ok, ok , eu admito: além de autores somos fãs. Mas não somos, simplesmente, “caras que chupam o trabalho dos outros”. Estamos tentando aprender, conhecer o caminho, trilhá-lo, descobrir como se faz e tentar fazer , a cada novo trabalho, algo melhor do que o anterior. Por isso, para um primeiro número, acredito que não fomos tão maus assim. O relacionamento do F.D.P. com aqueles que o lêem tem sido o seguinte: Quem procura diversão, simplesmente ADORA. QUem lê procurando críticas ou defeitos, DETESTA. Não quero com isso afirmar que é uma revista ou história ruins mas que, simplesmente, jamais conseguiremos atingir o nível de profissionalismo de quem vem fazendo isso há DÉCADAS já no primeiro número.
    Quanto às comparações, quando li pela primeira vez que se parecia com Constantine, fiquei feliz. “Puxa”, pensei eu equivocadamente, “talvez isso sirva para divulgar ainda mais a revista”. Mas depois, confesso que fiquei meio aborrecido por que, apesar de ser uma ótima estréia, o termo “sobrenatural” está por demais associado à COnstantine, na atualidade. Fosse uma revista mensal, este problema teria sido resolvido nos números seguintes onde o F.D.P. se depara com Drogados super-poderosos, investigações sobre super-heróis e, até mesmo, clones de argentinos nazistas. Ou seja, o tema abordado nem sempre é o sobrenatural. Embora ele esteja sempre indo e vindo nas histórias do F.D.P.
    A Base de criação do F.D.P., no entanto, encontra-se em em inspirações do século passado: Nas desventuras alcoolatras do escritor CHARLES BUKOWSKI e nos seriados televisivos ARQUIVOS X E MILLENIUM (Primeira temporada). Pra mim, isto é claro como água e chega até a me envergonhar admiti-lo mas, como diria Alan Moore, Você e seu trabalho é o encontro de suas próprias experiências com sua cultura (Tudo aquilo que você leu, assistiu, etc).
    Mas, como quando se tem apenas um martelo, tudo fica mais parecido com um prego, então daí a insistência nos leitores (e não leitores) em associá-lo ao Constantine.
    Não estou escrevendo isso por causa das críticas, apenas para poder conversar com todos e explicar algumas coisas. Acho legal essa interação autorxleitor pois permite quebrar alguns paradigmas e resistências sem sentido.
    Acho que é só. Um agrande abraço a todos, obrigado pelos elogios e críticas e espero poder , futuramente, melhorar ainda mais o nosso trabalho.

  2. Acho incrível essa mania dos leitores brasileiros de dizerem que uma hq brasileira é cópia de uma outra gringa, e ainda por cima sem nem ao menos ter lido a dita cuja.
    O pior de tudo é comparar com uma hq como Hellblazer, como se essa fosse a coisa mais original já feita.
    E mesmo que essa hq tenha sido inspirado em Hellblazer, ou Transmetropolitan, ou qualquer outra coisa, e daí? Não se cria nada do nada. Só se o cara for um deus pra fazer isso.
    Por fim, o que faz uma boa história, não é a sua suposta originalidade, mas sim a forma como ela é contada, mesmo que ela aborde um tema já puta batido. Alan Moore que o diga.

  3. Yuri

    Um cara q tem a incrivel capacidedade de irritar os outros e desenvolve aventuras com o paranormal…e com demonios…e etc…isso me lembra um pouco o john constantine!!!
    mas eu vou ler

  4. Jackson Kuntz

    é bom sim, eu vou ler.
    Os desennos não são ruins, mas não são bons, um meio termo.
    E o argumento apesar de batido esta muito bacana. Gostei bastante mesmo assim. E espero que não seja fogo de palha rsrs.

  5. Gostei bastante da arte, apesar da semelhança um pouco desconfortável com Eduardo Risso e Leonardo Manco. A proposta também tá com muito cheiro de Hellblazer, principalmente o personagem, mas bem… Se eu cruzar com essa revista com certeza comprarei.

  6. Inferno, o Infame

    É impressão minha ou isso tá muito parecido com o Mandrake? (não o da marvel, suas bestas, to falando daquele que passava na hbo).
    Um Mandrake que vai pra macumba, hriehaieirheihiheihiiaharahirahia, mas parece interessante, vou comprar.
    abcs

  7. Bem interessante. Li o prewiew.
    Os desenhos tão bem legais mas não dá pra criticar o roteiro com tão poucas páginas.
    A comparação com Constantine, pela fuça do personagem e pelo tema que o Bug citou na matéria, é inevitável.
    Tomara que a revista desenvolva características e identidade próprias e que não seja mais do que um Constantine Tupiniquim.

  8. PORRAQUEPARIUDEQUATRO!!!
    É uma HQ assim que eu estava querendo.
    Brasileira, com CARACTERISTICAS brasileiras, mas, com um clima sobrenatural.
    caraca.
    será que vamos ver personagens do folclore nacional?
    Fazia tempo que não ficava empolgado assim (com uma sinopse de HQ da qual eu nunca ouvi falar).
    COM CERTEZA EU VOU LER ISSO!!!
    Como é que eu nunca ouvi falar disso antes?

  9. Junior

    Todo mes eu recebo um email desse cara, eu nem sei onde eu me cadastrei pra receber essa porra, mas nunca tive a curiosidade de clicar pra ler o email…
    sorte que sou preguiçoso e num limpo a caixa de email.. aiuehaiuhe ^^

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: